25 de abr de 2014

Impossible Love - 2

 http://blogs.pop.com.br/tv/wp-content/uploads/2013/05/TVminajemariahamigasCAPA.jpg


Ele veio caminhando até mim, e se deitou em cima de mim, ele segurou em minha cintura e me beijou, o beijo era viciante e selvagem. Minhas mãos estavam em sua nuca, intensificando mais o beijo, ele apertava minha cintura e colava mais nossos corpos, suas mãos invadiram por debaixo do vestido e o tiraram, ele jogou em algum canto do quarto e voltou a me beijar, suas mãos percorriam cada canto de meu corpo, assim como sua lingua explorava minha boca. Ele se apressou e tirou minha calcinha, em seguida o sutiã, eu estava nua, ele ainda estava com a roupa, ele voltou a me beijar, foi abaixando e distribuindo beijos por meu pescoço, chegou em meus seios e os apertou com a mão, ele começou a massagear um e e outro ele chupava e mordiscava, era uma sensação boa, porém as vezes doia e eu gemia. Depois de mais alguns segundos se divertindo com meus seios ele desceu mais um pouco e chegou em minha intimidade, ele ebriu minhas pernas  com delicadeza e se abaixou até ela, eu me inclinei ficando em uma posição onde eu pudesse ve-lo, ele dei um beijinho na mesma, o que me fez arfar quando senti sua respiração em contato com ela. Ele começou a chupa-la, eu já gemia um pouco, ele penetrou com a lingua e fazia movimentos circulares, a esse ponto eu gemia mais do que antes, assim que eu gozei ele voltou e me beijou, eu tirei a sua camiseta e admirei aqueles musculos e seu tanquinho definitivamente perfeito. Eu deslizei minhas mãos por seu abdomen e cheguei na sua calça, fui tirando ela lentamente, assim que a tirei por completo joguei em algum lugar do quarto, ele usava uma boxer vermelha, já se via o enorme volume por debaixo daquele insignificante pedaço de pano. Ele voltou a me beijar, eu aproveitei e tirei sua boxer, seu membro saltou para fora, e OMG, era enorme, e grosso, eu mordi os labios quando vi o seu membro totalmente duro.

Jus: safada -eu ri-

Ele me beijou novamente e segurou em minha cintura, ele abriu minhas pernas lentamente e foi colocando seu membro lentamente dentro de mim, primeiro ele colocou apenas a cabecinha, foi entrando e saindo, e aquilo foi bom, pois eu era virgem. Não queria estragar o momento, por isso achei melhor não dizer, eu podia estar errada, mas decidi não contar. Ele por fim colocou seu membro inteiro dentro de mim, eu soltei um gemido alto, mas ele continuou, ele começou com os movimentos, ele ia devagar, mas eu sentia uma dor quase insuportavel, ele então foi se apressando, os movimentos eram mais rapidos e mais fundos, ele estava em cima de mim, ele segurava em minha cintura e apertava meus seios. Depois de mais algumas intocadas eu finalmente comecei a sentir prazer, a dor havia passado, e aquilo era totalmente incrivel e prazeroso, eu agora gemia de verdade, era gemidos em resposta ao prazer que ele estava me dando, ele continuou me penetrando e ao mesmo tempo massageava minha intimidade. Ele foi diminuindo, estava quase parando, é, ele estava cansado. Ele se esforçou, deu mais algumas entocadas e finalmente gozou, em seguida minha intimidade mastigou seu membro e eu gozei. Ele caiu na cama e me puxou em cima dele, dando inicio a outro beijo.

Eu: já se cansou é Justin ?
Jus: um pouco, mas aguento outra -eu sorri maliciosa e me sentei em cima de seu membro, comecei a rebolar até que ele ficou duro novamente- cavalga para mim -ele apertou minha bunda- gostosa

Continuei a rebolar, ele segurava em meu bumbum e se retorcia todo.

Jus: eu odeio que me torturem -gemido- vai logo com isso

Eu ri e finalmente me sentei em seu membro, comecei com os movimentos bem devagar, para sentir um pouco o momento e dar um pouco de prazer a ele, aumentei os movimentos e agora meus seios pulavam, Justin gemia alto e eu tambem, aquilo era muito bom. Eu já estava me cansando, então cavalguei mais algumas vezes e finalmente gozei, segundos depois Justin tambem. Eu cai do lado dele e ele ficou acariciando meus seios.

Jus: fica de quatro para mim ?
Eu: você não cansa ?
Jus: não quando tem uma gostosa em minha frente -ele acariciou minha intimidade- não sei como você era virgem -eu o olhei surpresa-
Eu: eu n-n-não era v-v-virgem -disse gaguejando e ele riu-
Jus: porque não adimite ? eu tambem pensei que você não fosse
Eu: como percebeu ?
Jus: você é muito apertada -ele disse e penetrou um dedo- posso te ensinar o que quiser -eu gargalhei-
Eu: você é o que ? ator pornô ? -ele riu-
Jus: não, mas já tive muitas experiencias
Eu: sei -disse e me virei de costas a ele, ele me abraçou por trás e me penetrou, por trás mesmo- Justin, p-para awn -disse com um pouco de dificuldade devido aos gemidos-
Jus: só depois que você ficar de quatro para mim -em seguida ele chupou meu pescoço-

Ele continuou me penetrando por trás, aquilo era novo, então doia um pouco. Ele ainda não tinha gozado, então de ajoelhou na cama e me olhou com cara de cachorro sem dono, eu então fiz o que ele havia pedido, fiquei de quatro e ele sorriu malicioso. Ele se aproximou mais e deu um tapa forte em minha bunda, eu gemi baixo, ele então me penetrou, eu gemi alto, ele fazia movimentos fundos e rapidos, enquanto me penetrava ele apertava minha bunda e puxava meu cabelo. Ele por fim gozou em seguida eu. Ele caiu ofegante ao meu lado.

Jus: vamos descer, o pessoal está nos esperando -ele começou a se vestir e eu fiz o mesmo-
Eu: Justin ? -disse colocando meu vestido-
Jus: fala -ele disse colocando sua camiseta e em seguida colou nossos corpos-
Eu: você usou camisinha ? -ele pensou um pouco, observou o quarto, foi até o banheiro, enquanto isso eu colocava meu sapato e ajeitava meu cabelo-
Jus: puta que pariu, eu esqueci de trazer
Eu: diz que está brincando comigo Justin
Jus: to falando serio porra, não percebeu que eu gozei em você ? -ele disse nervoso-
Eu: e agora ?
Jus: já esta pronta ?
Eu: sim
Jus: então vem -ele me puxou-
Eu: aonde vamos ?
Jus: procurar alguma farmacia, temos que comprar aquela pilula
Eu: e você sabe o nome daquilo por acaso ? -disse enquanto desciamos a escada-
Jus: não, mas temos que achar

Nos juntamos ao pessoal que estava dançando e procuramos por Miley ou algum dos meninos, assim que achamos fomos correndo até eles.

Miley: safadenhos, onde estavam ?
Eu: você sabe muito bem onde a gente tava, preciso da sua ajuda
Miley: no que ?
Eu: você aquela pilula que se toma para não engravidar ? -Chaz começou a rir-
Chaz: aê Justin, mandou bem -ele deu um soco de leve no ombro de Justin-
Jus: do que você está falando ?
Chaz: transou sem camisinha né ? -Justin riu-
Jus: é, eu me esqueci disso
Chaz: e me diz, é bom ?
Jus: muito melhor do que com a camisinha -Justin falou e mordeu os labios-
Chaz: Miley, a gente precisa tentar
Miley: uhum, é bom amiga ? -eu sorri-
Eu: muito, mas e aí, você tem ou não ?
Miley: tenho, vem aqui, eu vou deixar uns na sua bolsa -ela me puxou e fomos no banheiro- vocês transaram sem camisinha mesmo ou ela estourou ?
Eu: foi sem mesmo
Miley: e você se arrepende ?
Eu: não, até que com o Justin não me arrependo
Miley: hmmn, prevejo namoro
Eu: acho que não vai sair de sexo
Miley: você não conhece o Justin
Eu: e você conhece ?
Miley: não, mas é por isso que eu digo isso
Eu: ta tá, me entrega logo essa pilula, tenho que tomar logo -ela me entregou e eu tomei, depois ela me deu mais umas três cartelinhas- Miley, você anda sempre com isso ?
Miley: claro
Eu: você e o Chaz, transaram ?
Miley: mais o menos, a gente tava quase se comendo ali na festa, mas não rolou nada alem de beijos e caricias em 'lugares' -eu ri-
Eu: eu era virgem Miley -ela se assustou-
Miley: virgem ? você ?
Eu: sim
Miley: juro que não sabia disso
Eu: agora sabe, você pelo visto não é né ? -disse saindo do banheiro-
Miley: não, lembra aquele garoto que não saia do meu pé no colegial ? e que depois a gente namorou e depois parou de se falar ? -eu fiquei boquiaberta-
Eu: foi com ele ? Miley você tinha uns 15 anos
Miley: é, mas foi com ele
Eu: não acredito nisso -eu disse rindo-
Miley: pois acredite, e até que foi bom -chegamos perto dos meninos-
Eu: ele era mó feio
Miley: ele não era feio, era fofinho e tinha um corpão
Eu: preferia que pelo menos fosse o seu ex do ano passado, aquele sim era um gato
Miley: sim, o Nick
Eu: você precisa me apresentar esses seus amigos famosos Miley
Miley: um dia eu te apresento, ok ? agora quero que se foque no Justin
Eu: vou pensar Ok ?
Miley: ok -fomos mais perto dos meninos e tinha uma menina toda abusada no colo de Justin, Chaz estava bebendo e Miley ao lado dele-
Eu: quem é você ? -disse me referindo á piranha que estava no colo do Justin-
xx: a questão não é eu, a questão é, porque te interessa ?
Eu: me interessa porque você está no colo do meu amigo
Jus: amigo ? -ele olhou confuso-
Eu: sim, amigo, ou quer que eu te chame de marido ? namorado ? sexo fixo ? -não sei o que tinha dado em mim-
Jus: preferia namorado -ele disse tirando a vadia do colo dele-
xx: ain Justin, vamos lá pra cima -ela passou a mão no peito dele-
Eu: ele está acompanhado
xx: por você ?
Eu: sim
xx: ah coitada, só acredito se o Justin falar isso
Eu: fala Justin, você não está acompanhado por mim ?
Jus: eer. na verdade . .  sim
xx: que se foda, eu vou ter ele para mim hoje
Eu: não vai não
Jus: porque não ?
Eu: porque você está comigo
Jus: mas ela é mó gostosa -ele sussurrou no meu ouvido-
Eu: você me usa para te satisfazer e depois me joga fora ? não sou nenhuma prostituta não tá ? -ele abraçou minha cintura e encostou a cabeça em meu ombro-
Jus: foi mal Mellany, já gastei todas as camisinhas que eu havia trazido com a Sn -a vadia olhou incredula para o Justin-
Mellany: pelo visto não sou a unica vadia aqui né ?
Eu: não sou nenhuma vadia
Mellany: ah, claro que não -ela disse saindo, eu ia bater nela mas Justin me segurou-
Jus: não vale a pena, ela é uma prostituta
Eu: mas eu quero arrancar a cabeça dela
Jus: melhor não, vamos embora ?
Eu: vamos, eu já estou cansada, vamos Miley ?
Miley: já ? eu não quero me separar do Chaz -ela disse e beijou ele-
Eu: se quiser levar ele em casa pode levar -ela me olhou sorrindo-
Miley: vamos Chaz ?
Chaz: Justin ? -Justin assentiu-
Jus: amanha eu te ligo
Chaz: ok, vou sim com você Miley -ela sorriu-
Eu: e você Justin ?
Jus: o que que tem ?
Eu: ta afim de ir em casa hoje ?
Jus: não sei, será que você é confiavel ?
Eu: eu que deveria estar preocupada com isso
Jus: se você não tiver medo e aguentar mais uma, eu vou
Eu: então vamos, você está de carro ?
Jus: sim
Miley: e você Chaz ?
Chaz: estou tambem
Eu: a gente não veio de carro, tudo bem se vocês nos levarem ?
Jus: claro ! quer que eu chame uns amigos ?
Eu: para dormir lá ?
Jus: sim
Eu: chama eles amanha de tarde, eu to afim de ficar sozinha hoje
Jus: e eu ?
Eu: vou ficar com você -ele sorriu malicioso-
Jus: bom, vou avisar o resto do pessoal, ok ?
Eu: ok -ele me deu um beijo rapido e saiu-
Miley: saquei os codigos aí hein Sn ? -eu ri- só não façam muito barulho hoje, vai atrapalhar eu e o Chaz -eu gargalhei-

Por fim saímos da balada, em seguida Justin apareceu, ele estava acompanhado de duas garotas e dois garotos, eles vieram até nós.


















continua ?
comenteeeeeem
e aí ? estão gostando ?

2 comentários: