23 de jan de 2014

Sex With My Boss - 2

 


 
Amanda P.O.V  ~~Mandy~~
O que ele disse? 
Fiz uma cara de dúvida e ele saiu da sala sorrindo, provavelmente da minha careta. Peguei o papel que estava xingando o Chaz e amassei, arremessei longe. Saí da sala de reuniões e as pessoas trabalhavam mais nervosas no departamento entrevista só porque chegou esse novo playboyzinho. Todos da empresa sempre disseram que eu merecia comandar essa área, mas, só o Chaz que não enxerga isso. Entrei na minha sala e me sentei na cadeira e pousei meus dedos sobre o teclado fino que estava sobre a mesa a minha frente. Eu tinha que editar umas entrevistas, mas, estava sem ânimo para trabalhar agora. Peguei meu celular de uso pessoal e disquei o número da Demi.
- Alô... - falou ela - NÃO ACREDITO! MANDY... SAUDADES! - gritou me surdando.
- Oi Demi! - falei e soltei uma risadinha - Faz tempo que não falo com você!
- É... - ela suspirou - Os shows estão muito corridos! 
- Pode vir pra cá? Soube que você está na cidade. 
- Agora não, mas, podemos almoçar juntas! No Palace que tal?
- Ta, no Palace. Ao meio dia! Faz a reserva? 
- Claro! Agora volte ao trabalho Srta. Collin! - falou num tom mandão.
- Sim Srta Lovato! - desliguei e meus dedos voltaram para o teclado. Sem digitar nada!
A minha secretária entrou na minha sala e disse que Chaz queria falar comigo na primeira linha. Por que logo esse filho da puta? Resmunguei, mas, atendi.
- O que você quer? - disse rude.
- Vem na minha sala? - ele disse num tom de pergunta que soou como ordem.
- Sim Sr Somers! - levantei da cadeira e caminhei até a porta.
(...)
Cheguei em sua sala e seus pés estavam em cima da mesa. Ele olhou sexy para mim, eu sei que estava com raiva dele, mas, era tentação entende? Me aproximei da mesa e ele retirou os pés. Ficou de pé e caminhou até mim.
- Amo te deixar brava. - ele disse e riu pelo nariz.
- Fale o que você quer logo, tenho muito trabalho!
- E um deles é conversar com a Demi.
- Como voc...
- Tenho meus meios! - me cortou - Ficou brava não é? - falou e passou por trás de mim. Pude sentir sua respiração em meu ombro.
- Eu trabalho aqui a muito mais tempo que o Bieber! - funguei.
- Vamos esquecer o trabalho! - ele pousou as mãos em minha cintura e girou meu corpo, me deixando de frente para ele - Vamos para a parte que interessa!
- Vai se foder Ch... - não consegui completar e ele me beijou.
Se ele acha que eu vou me entregar para ele, está muito enganado. Ele faz uma putaria dessas e ainda tem a audácia de querer isso hoje? Ele ta brincando com fogo, realmente.
- Não me negue Mandy! - falou me deixando arrepiada.
- Tenho muito trabalho a fazer Chaz. - saí de sua sala e ouvi ele bufar bravo. MUITO BRAVO.
Esse era o Chaz quando não conseguia o que queria... Grosso e irritante. 
(....)
Ao longo do dia fiz as coisas que tinha de fazer, organizei entrevistas, almocei com Demi, me irritou porque tinha muitos paparazzis, mas, enfim eu estava almoçando com Demi Lovato. Lógico que teria paparazzis. Ao voltar para a empresa terminei uns relatórios e fiquei mexendo no facebook ~~vida boa~~ e nenhum sinal de Chaz. Acho que ele entendeu o recado né? Fiquei tentando pensar em alguém que seria legal entrevistar: Chris Brown? Rihanna? Miley? One Direction! PERFEITO. Olhei par ao relógio e notei que eram 22 horas. Já era para mim ter ido as seis horas, mas, enfim... Valeu a pena! Arrumei minha bolsa e abri a porta. Notei que o local estava vazio. O que me deu muito medo! Fui andando em passos largos para o elevador. Entrei no mesmo e levei um susto ao ouvir um grito.
- HEEEY! - Sr. Bieber gritou - Segura o elevador!
Segurei o elevador, ele entrou e eu não disse nada.
- Posso te fazer uma pergunta? - falei e ele assentiu - Você está nervoso por que eu estou aqui? - perguntei e ele riu de canto.
- Não fico nervoso quando estou com mulheres! - disse e eu me arrepiei, será que ele notou? - Tenho medo de elevadores! Claustrofobia melhor dizer.
- E veio trabalhar nessa empresa? - sorri - Aliás, não gostei do seu atrevimento! - falei fazendo uma feição brava, mesmo não estando.
- Eu sei que você gostou. - ele disse e as risadas ecoaram pelo elevador.
- Você se acha demais não é Sr. Bieber? - levei minha mão para a cintura.
- Justin. - ele disse - Me chame de Justin!
- Okay! 
- Posso te perguntar algo também?
- Não! - falei e sorri, assenti com a cabeça.
- Você tem um caso com Chaz?- ele disse e aquelas palavras meio que soaram confusas. Eu também não sabia qual era minha relação com Chaz.
- Por que a pergunta? 
- Nada! Apenas fiquei curioso.
- Não... Não que eu não quisesse sabe! - aí eu notei que estava prestes a chorar na frente do cara que tomou meu lugar na empresa, meu futuro lugar. Limpei as lágrimas disfarçadamente. Ele me puxou para perto.
- Estou disponível Srta Collin! - ele disse e sorriu.
- Não... - falei e percebi que o elevador tinha aberto - Você está, mas, eu não estou pronta! 
Caminhei para fora do elevador. Ele não disse nada e nem chamou meu nome. Apenas o barulho do silêncio por todo o local.
 
----------------------------------**********------------------------------------
 
Demorei mais voltei! Yah. Bom, me acompanham no spitrit? Fiz uma fic nova. Segundas Intenções hehe ^-^
 
 

2 comentários:

  1. minha gata ta postando a IB do anime <3 sabe como eu fiquei com o final desse imagine maravilhoso??? Continua!!

    ResponderExcluir