5 de fev de 2014

Behind the Flashes - Capítulo 15


"O casal Jarbara foi visto aos grandes beijos em festa"  

Acho que essa manchete diz tudo, né? Desde aquele dia na boate eu e o Justin estamos tendo algo, que eu sinceramente não sei o nome. Enfim, já se passou uma semana daquele dia que ele se declarou pra mim, vocês devem estar se perguntando se eu correspondi o "eu te amo" dele. Sim, eu falei que amava ele, resumindo, foi perfeito. O Justin está gravando o clipe Confident, só não gostei da parte que ele tem que beijar outra além de mim. 

-Sério que você ainda ta bolada por causa da Cailin, amor? -ele disse interrompendo meus pensamentos
-Você ficaria normal se eu fizesse um ensaio beijando um negão? -eu disse e ele se calou- Então pronto -disse
-Eu nem ganhei um beijo hoje -ele disse e eu dei um selinho nele e fui pra cozinha, e percebi que ele estava me seguindo- Eu quero um beijo descente
-Você não está merecendo 
-Ah vai, você tem que me desculpar, porque primeiro você me ama e segundo que a gente tem premiação pra ir hoje -ele disse com aquele olhar que te deixa fora de si
-Iludido, nem né? -disse debochada
-Eu sei que sim, então nem adianta me dizer nada -ele disse e me puxou fazendo colar nossos corpos, desviei o olhar dele, aquele idiota nem deixava eu ficar brava com ele -eu sei que você quer olhar pra mim, olha vai -ele disse colocando meu rosto entre as mãos fazendo eu encarar ele
-Você nem me deixa eu ficar brava com você, que porra -disse fingindo estar brava, mas ele começou a rir -Ta rindo do que, palhaço? -disse
-Ninguém me resiste -ele disse convencido e ri irônica
-Só se for as suas putas né? -disse 
-E se você fosse minha puta fixa? -ele disse me encarando
-Só nos seus sonhos
-Eu acreditei neles e olha onde estou -ele disse risonho
-Idiota. Agora vou sair, tchau -disse saindo da cozinha quando sinto ele puxando meu braço delicadamente
-A onde você vai? -ele perguntou
-Vou pro salão fazer meu cabelo né, não vou te acompanhar lá e ficar igual uma mendiga né? Agora beijo -disse mandando um beijo no ar pra ele e indo pro salão.

[...]

Já era umas 18h e eu estava voltando pra casa, já tinha feito meu cabelo, minhas unhas e minha maquiagem, agora só faltava colocar o vestido. Depois de alguns minutos, cheguei em casa, sem nenhum vestígio do Justin na sala, ele deve estar no quarto dele, então não decidi atrapalhar e fui direto pro meu. Fui tomar um banho, mas sem desmanchar meu cabelo e minhas maquiagem, claro. Sai do banheiro, me sequei e como o vestido estava em cima da cama, , mas o zíper era atrás, então eu não ia conseguir fechar.

-JUSTIN -chamei ele pra ele vim me ajudar, depois de alguns minutos, que mais pareciam horas, a princesa chegou pra me ajudar a fechar o vestido
-O que foi? -ele disse entrando no quarto com aquela cara de bunda dele, tava na TPM? Só falta
-Vish, que mau humor é esse, Bieber? -disse- A noite vai ser longa querido -eu disse com um sorriso maliciosa, nunca fizemos sexo, mas eu gostava de dar falsas esperanças pra ele e o melhor, provoca-lo
-O que você quer? -ele disse chegando perto de mim
-Fecha aqui pra mim, por favor? -disse virando de costas pra ele, ele veio atrás de mim e fechou o zíper
-Só isso? -ele disse
-O que foi ein Justin? Que mau humor, credo
-Ah, você quer que eu fique como depois de ter me deixado a tarde inteira sozinho nessa casa?
-Você não ta sozinho, tem a Cida, a Maria (mãe da Stella), vagabunda da Stella e o Brian
-Eles não contam, eu queria ficar com você
-Ta muito solitário ou ta com falta de sexo mesmo, Bieber? -disse debochada
-Para de me chamar de Bieber
-Porque? -eu disse confusa
-Porque isso me faz ter pensamentos inapropriados -comecei a rir sem parar
-Comprovado. Falta de sexo. 
-Ah, cala a boca, Barbara. 
-Fica nervoso não, tá? -eu disse e apertei as bochechas dele 
-Para de fazer isso -ele disse com vontade de rir
-Porque? Vai ficar excitado com isso também? -disse prendendo o riso
-Vai se foder -ele riu e saiu do quarto, indo terminar de se trocar, fui fazer o mesmo. Coloquei meu sapato, minha bolsa e tinha terminado de me trocar. Desci as escadas encontrando o Justin sentado no sofá, provavelmente me esperando. 

-Vamos? -disse chamando a atenção dele, que logo me olhou dos pés a cabeça
-Tudo isso é pra mim? -ele disse sorrindo
-Talvez -disse e andei na frente dele, indo em direção a garagem, percebi que ele estava lá, no mesmo lugar, me olhando mordendo os lábios -Eu sei que você deseja meu corpo nu, Justin
-Talvez -ele disse me imitando, rimos

[...]

Já chegamos na cerimonia da premiação, primeiro devemos passar pelo tapete vermelho, tirar umas fotos, dar algumas entrevistas, e assim entramos na cerimonia. Quando saimos do carro do Justin, quase fui cegada pelos flashes, sua mão estava pousada em minha cintura, e assim fomos até o tapete vermelho, tiramos algumas fotos e depois fomos dar uma entrevista. 

-Como está o namoro de vocês dois? -o entrevistador perguntou
-Melhor impossível -disse sorrindo irônica e depois adentramos no locar onde seria a cerimonia 

[...]

A cerimonia acabou, e o Justin ganhou 4 prêmios, como melhor álbum do ano, melhor single do ano e como melhor cantor masculino. Agora estávamos indo na festa, mas o Justin ficou enrolando , onde o Scooter e a Pattie também vão. Depois de alguns minutos, chegamos na festa. Ela estava muito agitada, a pista estava bem cheia, eu e Justin fomos na mesa que a Pattie e o Scooter estavam sentados. 

-Até que fim vocês chegaram -o Scooter disse 
-Vou lá buscar alguma coisa pra beber -disse alto por conta da música no ouvido do Justin, ele assentiu e fui lá buscar. -Vodca com energético, por favor -disse para o barman e ele foi fazer. Depois de alguns minutos ele entregou minha bebida, estava tocando Club Can't Handle Me, do Flo rida. Não resisti e fui pra pista dançar, estava fazendo movimentos sensuais, percebi que estava atraindo olhares, mas continuei. Depois de algum tempo dançando, sinto mãos em minha cintura, fazendo-o me virar para me encarar. 

-Não faz isso -Justin disse sussurrando, dei uma rebolada em seu membro, já sentindo seu amiguinho dar sinal de vida, mas infelizmente a música acabou e começou uma outra que eu não conhecia, e não tinha mais como provoca-lo. 
-Ops -disse me fazendo de desentendida
-Em casa você vai me recompensar -ele disse me olhando malicioso
-Talvez -disse 
-Vou buscar alguma coisa pra beber, ok? -ele disse e eu assenti.

[...]

Já tinha se passado alguns minutos que o Justin tinha saído, ele estava demorando. Olhei em direção ao bar e não gostei nada do que vi. 




Continua...

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Joguem pedras, tijolos e me matem. 
ME DESCULPA PELA DEMORA LEITORAS DIVAS QUERIDAS DO MEU CORE
De a opinião de vcs no coments POR FAVOR 
aceito criticas, elogios e tudo mais

PS: AMOOOO VCS DEMAIS <3 






5 comentários: